Não Crie site para o Google

Ao lerem o título desse artigo, já posso ver tochas e uma multidão vindo em minha direção, rs. Mas antes que isso aconteça, é bom eu explicar o título.

Claro que foi proposital, mas por que um título assim contra o nosso amado, idolatrado, salve, salve Google? Na verdade o titulo seria “Não crie site apenas para Google”, mas tiraria a curiosidade das pessoas. Vamos a explicação completa.

Infelizmente está ocorrendo um esquecimento de um fator vital para sucesso de um site, para que realmente ele deve ser feito, que é o usuário. É isso mesmo, cada dia está sendo esquecido o usuário, para qual deveria ser pensado quando desenvolvemos um projeto, e melhorar a experiência dele. Mas alguns podem falar:

– Mas se eu conseguir colocar o site do meu cliente, no topo da lista de busca, com as palavras chaves que mostrem o seu produto, terei muito mais visitação, e isso será sinônimo de sucesso.

Mas nesse ponto que você se engana meu caro Watson! O que adianta ter muita visitação, se o usuário não fica nem 30 segundos no site? Muitas vezes o site não tem um conteúdo bom, não tem uma boa navegação, deixando usuário perdido, então não vai adiantar tantas visitas, se realmente o usuário não consegue ficar no site o tempo bastante para saber o que ele se trata, o que vende, e o que se propõe. Mas alguns podem perguntar:

– Mas então eu tenho que esquecer o Google, todas as técnicas de SEO?

Claro que não. É importante aplicar técnicas de SEO, o site ter um bom posicionamento, mas não podemos é só pensar primeiro no Google, temos que pensar no usuário, e com certeza chegaremos à parte de SEO, porque assim poderemos dá mais uma opção ao usuário. Lembre-se que fator principal é angariar pessoas, e trazer novos clientes, mas se não pensar no usuário, quiser apenas bons posicionamentos, e esquecer completamente dele, ocorrerá uma falsa sensação de sucesso. (O exagero da palavra usuário foi proposital)

Então temos que ter em mente um novo paradigma, que na verdade não é tão novo, que é DSOU (Desenvolvimento de Site Orientado para o Usuário), assim poderemos expandir, melhorar cada vez mais o desenvolvimento dos nossos projetos. Pense nisso nos seus próximos projetos, pode fazer a diferença.




Se o conteúdo foi relevante para você, e desejar, você pode incentivar fazendo uma doação.

6 thoughts on “Não Crie site para o Google

  1. Você está certinho meu amigo. A coisa mais chata que tem é entrar em um site e ficar perdigo, links confusos, ter que passar por algumas áreas desnecessárias antes de chegar ao local desejado. De que adianta o site do “fulano” aparecer no topo da lista do Google e o usuário apenas entrar nele e sair depois de 10 segundos?

    Para mim um site não tem que ser algo mirabolante, mas sim algo simples e funcional, não adianta ficar enfeitando demais para tentar cativar pela aparência, o site tem que cativar pelo conteúdo, o usuário tem que se sentir bem ali naquele espaço, mas se esquecem disso, infelizmente!

    Fugindo um pouco do assunto, mas só para exemplificar, tenho uma tia que trabalha em uma empresa, eles colocaram vendas online. Mas olha que coisa chata, em uma área do site tem um combo duplo de estados e cidades do Brasil. Porém, quando você entra na área dos combos, o combo estado começa com o estado do Acre carregado, ou seja, se você quiser escolher uma cidade do Acre, primeiro você tem que escolher outro estado, e depois voltar ao estado do Acre para escolher a cidade desejada. Ou seja, isso é chato demais, isso afasta usuário.

    Pior, essa pequena falha foi cometida por uma empresa conceituada de desenvolvimento de sistemas Web. O dono da empresa em que minha tia trabalha contratou eles pelo “Status”, mas isso para mim não diz nada, sem contar que o site é lento demais para carregar.

    Resumindo, a maior parte dos programadores não se preocupam com a funcionalidade do site, e depois colocam o site no topo da lista do Google. Mas, se o site é ruim, de que isso vai adiantar?

    Abraços amigo.

    1. Isso mesmo Carlos, a gente se esquece do principal q é o usuário. As vezes vamos desenvolver um aplicativo web. pensamos em tantas soluções mas o q o usuário precisa é algo mais simples. Se vc estiver interessado mais sobre esse tipo pensamento, do fazer simples e funcional, leia sobre Caindo na Real, é muito interessante e ilustra isso q vc falou :

      http://gettingreal.37signals.com/GR_por.php

    1. Obrigado Suellen. Na verdade isso foi um neologismo q fiz para ilustrar que o foco sempre tem q ser o usuário. Então não se espante com o termo, rs

  2. Obrigado pelo artigo David, não só um site mal planejado como também é muito ruim entrar em um site aparentemente bonito e totalmente sem conteúdo, temos que ter um equilíbrio entre aparência e funcionalidade, vou até além… acredito que antes de desenvolvermos o layout do site teríamos quer ter uma noção de teoria das cores,acessibilidade e navegabilidade. Abraço.

    1. Danilo, pra mim site é conversão, ele sempre terá um objeto, ou divulgar, vender, angariar novos clientes, mas tem um objeto. O foco é o usuário, e não motor de buscar, tem pensar no google uma forma de alcançar usuários, e não ao inverso. abrs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *